Edital para apoio individualizado em ação de promoção comercial e imagem é lançado

EDITAL PARA APOIO INDIVIDUAL EM AÇÃO DE PROMOÇÃO COMERCIAL E/OU IMAGEM 01/2019

O presente edital visa apoiar e incentivar as empresas no incremento dos investimentos em ações diferenciadas de promoção comercial e/ou imagem. O recurso será destinado exclusivamente às empresas associadas ao Projeto Setorial IBGM/Apex-Brasil, classificadas como exportadoras experientes ou internacionalizadas, de acordo com as políticas de segmentação do Projeto Precious Brazil 2018-2020 e que se encontrem no nível 5 de segmentação da Apex-Brasil.
A concessão do benefício está sujeita aos seguintes critérios:
• Empresas que tenham recebido apoio financeiro nesta edição de projeto, para ações diferentes daquelas inerentes ao apoio individualizado, não serão consideradas elegíveis.
• Disponibilidade orçamentária do projeto setorial;
• A empresa beneficiada deve estar enquadrada como exportadora experiente ou internacionalizada, de acordo com as políticas de segmentação do Projeto Precious Brazil 2018-2020, bem como   no nível 5 de segmentação da Apex-Brasil;
• No caso de ações no exterior, a empresa apoiada comprovará regularidade fiscal visando o requerimento de redução de alíquota de Imposto sobre a Renda em remessas de valores para o exterior relativas à promoção de produtos e serviços brasileiros, nos termos da Lei nº 9.481, de 13 de agosto de 1997 e alterações posteriores.
• A contrapartida da empresa deve ser de, no mínimo, 50% do custo total da ação.
• A empresa apoiada deverá apresentar contrapartida na ação pleiteada (feiras internacionais, projeto comprador, serviços de arregimentação de público ou similar) de forma a garantir a eficácia da ação;
• Apoio limitado a um evento a cada doze (12) meses e a US$30.000 (trinta mil dólares americanos) de utilização dos recursos da Apex-Brasil;
• Os recursos do projeto serão utilizados exclusivamente para pagamento direto a prestadores de serviço não sendo permitidos reembolsos à empresa apoiada ou ao executor.
• São elegíveis as ações de promoção comercial relacionadas à promoção comercial de produtos e serviços brasileiros, desde que as ações não sejam apoiadas pela Apex-Brasil em outros projetos setoriais.

As propostas e a documentação exigida deverão ser encaminhadas por e‐mail para: carolinalucena@ibgm.com.br até a data limite de 27/05/2019

1- INFORMAÇÕES GERAIS

a. Objetivo
Apoiar com recursos financeiros ações diferenciadas de promoção comercial e/ou imagem por parte das empresas. Essas ações deverão corroborar com as estratégias de exportação dos beneficiados, devendo se desenvolver nos mercados-alvo das empresas atendidas.

b. Cronograma:
Lançamento do edital – 26/04/2019
Data limite para apresentação de proposta – 27/05/2019

c. Itens Apoiados:
• Feiras internacionais – Feiras segmentadas que estejam fora do portfólio do Precious Brazil, que trabalhem segmentos específicos ou atuem em nichos de mercado, e que não estejam sendo apoiadas por outros projetos setoriais da Apex-Brasil; podem ser consideradas despesas como espaço, montagem, infraestrutura, comunicação, assessoria de imprensa, entre outros.

• Projeto Comprador no Brasil ou no exterior – São rodadas de negócio entre empresários brasileiros e compradores estrangeiros provenientes dos mercados-alvo do projeto. Requer aprovação prévia dos participantes indicados e da agenda de negócio proposta.

• Apresentações pontuais via showrooms durante o período de vendas internacionais;

• Outras ações de promoção tais como: publicidade, anúncios e catálogos, assessoria de imprensa, relações públicas, merchandising, apresentações para imprensa ou formadores de opinião, entre outras, desde que detalhadas e com a devida justificativa e previamente aprovadas pela equipe do projeto.

d. Valores de apoio
O valor apoiado pelo Projeto será de no máximo 50% do custo total da proposta, sendo este valor limitado a US$30,000 por ano.
Os recursos do projeto serão utilizados exclusivamente para pagamento, pelo IBGM, dos prestadores de serviço, não sendo permitidos reembolsos à empresa apoiada. A diferença correspondente ao valor não apoiado deverá ser paga pela empresa apoiada e demonstrado como contrapartida financeira, mediante apresentação de comprovantes de pagamento. A não comprovação da contrapartida ensejará a cobrança da empresa do valor total apoiado com recursos do projeto.
O pagamento de impostos, tributos e taxas é de responsabilidade da empresa solicitante.
Itens não financiáveis:
• Despesas diversas daquelas previstas na proposta.
• Despesas incorridas fora do período de vigência da proposta.
• Despesas com encargos de natureza civil, multas, juros ou correção monetária.
• Despesas relacionadas a taxas de administração ou similares ao Executor.
• Despesas, a qualquer título, em favor próprio, de cônjuge, companheiro ou • parente em linha reta, colateral ou por afinidade, até terceiro grau, de dirigente • ou empregado da empresa.
• Despesas com obrigações previdenciárias e/ou tributárias
• Despesas com Imposto sobre a Renda – IR em remessas de valores para o exterior, quando for legalmente prevista a possibilidade de redução da alíquota e o Executor não requerer o benefício fiscal ou der causa ao indeferimento do pedido.
• Despesas com aquisição de passagens, de diárias e de hospedagens dos
empresários e/ou equipe de apoio.

e. Condições do apoio
Todas as propostas recebidas serão acolhidas e analisadas dentro do prazo do edital, porém a sua aprovação parcial ou total dependerá da disponibilidade financeira no momento das análises.
As propostas podem ser compostas de múltiplos itens elegíveis, desde que não extrapolem o teto do valor do apoio.
As empresas deverão executar o projeto, objeto do apoio, durante o período de 12 meses, contados a partir da assinatura do termo de compromisso firmado entre o IBGM e a empresa solicitante, não podendo haver gastos ou realizações anteriores ou posteriores a esta data.
Os materiais de comunicação deverão fazer referência ao projeto Precious Brazil, sempre que possível. As entidades apoiadoras (IBGM e Apex-Brasil) deverão ser citadas nos releases e publicações, quando cabível.
Todas as inserções da marca Precious Brazil e citações dos nomes IBGM e Apex-Brasil deverão ser submetidas previamente à equipe do projeto para aprovação.
Após aprovação da proposta, será obrigatório a confecção do Termo de Compromisso e do(s) contrato(s) entre os fornecedores e o IBGM além do envio das faturas das despesas a pagar em nome do IBGM. O critério pela escolha do fornecedor deverá ser pelo menor valor, e quando não for possível, deverá ser justificado o porquê do critério da escolha.
Após a aprovação da proposta, será obrigatório o envio das faturas das despesas a pagar em nome do IBGM, bem como, o envio dos três orçamentos dos fornecedores, quando o valor gasto for superior a R$ 5.000,00. O critério pela escolha do fornecedor deverá ser pelo menor valor.

2- DO PROPONENTE
As propostas deverão ser apresentadas conforme modelo (ANEXO I).
Somente serão consideradas propostas de empresas nos maiores níveis de segmentação do projeto Precious Brazil (Experiente e Internacionalizada) e que estejam enquadradas a partir do nível 5 de segmentação da Apex-Brasil.
Após aprovação da proposta, deverão ser enviadas 3 (três) cotações para gastos acima de R$ 5 mil ou documentação que comprove que a contratada é fornecedora exclusiva para o serviço em questão.
Após aprovação da proposta e realização das cotações, a formalização de contratação deverá ser feita entre o(s) fornecedor(es) escolhidos e o IBGM.

3- CRITÉRIOS DE SELEÇÃO DAS PROPOSTAS
Os recursos disponíveis no âmbito do Projeto Precious Brasil serão destinados às empresas que enviarem suas propostas de investimentos em ações de imagem ao IBGM em tempo hábil para análise e conferência documental e orçamentária, conforme as datas descritas no item 1.2.
As propostas serão julgadas com base nos seguintes critérios:
• Clareza quanto ao público que se pretende alcançar;
• Abrangência da ação a ser desenvolvia (duração e área geográfica);
• Vivência/experiência da empresa no mercado onde a ação será executada e/ou veiculada. Quando se tratar de ação inovadora é necessário explicitar as fontes, estudos e números que fundamentaram a decisão de investimento;
• Complementariedade, que julgará o quanto a ação proposta contribui para as estratégias de exportação da empresa;
• Adequação e compatibilidade do orçamento aos objetivos das atividades e metas propostos.
Para o julgamento, será composto um comitê interno do Projeto.
Não serão apoiadas ações já previstas no portfólio do Projeto Setorial IBGM/Apex-Brasil, assim como as apoiadas por outros projetos setoriais do complexo de moda.

4- RESULTADOS DO JULGAMENTO
A relação dos projetos aprovados será divulgada por e-mail no dia 29/05/2019.
Caso seu projeto não seja selecionado, um e-mail será enviado com a devida justificativa até o dia 30/05/2019.

5- PRESTAÇÃO DE CONTAS
Deverá ser realizada com base nas regras da Apex-Brasil e do IBGM. Será obrigatório apresentar documentos que comprovem o investimento da marca na ação, para comprovação das contrapartidas obrigatórias.
São despesas elegíveis para contrapartidas:
• Passagem aérea (comprovante de pagamento e boarding pass)
• Hospedagem (comprovante de pagamento e recibo de estadia)
• Despesas de montagem e desmontagem de stands;
• Envio de amostras (frete e mostruário);
• Locação de espaço;
• Confecção de look books e catálogos (nota fiscal e comprovante de pagamento);
• Contratação de serviços de ação promocional e
• Despesas extras para realização da ação.
A documentação de prestação de contas deverá incluir:
• Envio de cópia ou foto de todo o material gráfico/digital desenvolvido (anúncio, revista, catálogo, publicação e afins), com a devida inserção das marcas das entidades apoiadoras;
• Envio de todo material de divulgação (release, matérias, clippings e afins), com a devida menção às entidades apoiadoras;
• Envio de imagens dos eventos/ações, quando pertinente;
• Envio de relatório de resultados quantitativos e qualitativos das ações no prazo de até 15 dias após a realização da ação, aferidos de acordo com as metas e ferramentas de monitoramento e avaliação propostas, conforme anexo II
Após finalizada a ação, a empresa deverá enviar em até 7 dias o relatório de resultado (Formulário de Avaliação – Anexo II), em língua portuguesa para o e-mail carolinalucena@ibgm.com.br.

…………………………………………………………………………………………………………………………..

ANEXO I: MODELO DE PROPOSTA

1- IDENTIFICAÇÃO
Empresa
Nome e cargo do responsável
Telefone E-mail
Título da proposta
Segmento beneficiado
Mercado-alvo

2- CONSIDERAÇÕES GERAIS
Explicar o comprometimento da empresa com a promoção da imagem e produtos brasileiros no exterior. Incluir um breve histórico da empresa, da sua participação no Projeto Setorial e no mercado-alvo pretendido, os resultados atingidos nas ações executadas até o momento, no Brasil e no exterior.
Reforçar no descritivo da proposta os itens que serão avaliados como: i) clareza quanto ao público que se pretende alcançar, ii) abrangência da ação a ser desenvolvia (duração e área geográfica) e iii) Vivência/experiência da empresa no mercado onde a ação será executada e/ou veiculada. Quando se tratar de ação inovadora é necessário explicitar as fontes, estudos e números que fundamentaram a decisão de investimento.

3- JUSTIFICATIVA
Fundamentar a pertinência e relevância da proposta como resposta a um problema ou ainda, exploração de uma oportunidade. É na justificativa que será avaliado o critério de complementariedade da proposta em relação ao plano de exportação da empresa, ou seja, seu propósito maior em relação a determinado mercado.

4- OBJETIVOS

a. Objetivo geral: descrever, de forma clara e objetiva, o que se espera da ação – benefícios, resultados e impacto final da proposta no desempenho da empresa;
b. Objetivos específicos: listar, de maneira clara e objetiva, quais são os passos para se atingir o objetivo geral.

5- ATIVIDADES, PRODUTOS E METAS

a. Atividades: listar, de maneira qualitativa e quantitativa, quais são as atividades relacionadas a cada objetivo específico;
b. Produtos: listar, de maneira qualitativa e quantitativa, quais são os produtos resultantes de cada atividade;
c. Metas: listar, de maneira qualitativa e quantitativa, quais são os resultados esperados de cada atividade e produto, de modo a permitir a verificação de seu cumprimento;
d. Cronograma de execução e desembolso: indicar data de início, data de término e investimento a ser realizado em cada atividade.
e. Monitoramento e avaliação: indicar os mecanismos de acompanhamento e avaliação do projeto pelas instituições envolvidas. Podem ser permanentes, parciais ou únicas/finais, dependendo do escopo e duração do projeto.

……………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………

ANEXO II – RELATÓRIO TÉCNICO DE EXECUÇÃO DE AÇÕES DE IMAGEM

1. AÇÃO: nome, local e data.

2. RELATÓRIO FÍSICO
Listar as principais atividades pré-evento, vinculadas à estratégia internacional da empresa (seleção do mercado, busca e seleção de parceiros, empresas de Relações Públicas, locais para realização do evento, tipos de materiais desenvolvidos); durante (apresentações, press days, desfiles, eventos de relacionamento, outros) e depois (follow-ups realizados, apuração dos resultados, impactos de vendas, clippagem) da ação.
Listar as lojas, formadores de opinião e jornalistas, participantes do evento e seus respectivos países.

3. ANÁLISE CRÍTICA
Demonstrar se os resultados apurados atenderam a expectativa original. Se houve um evento ou serviço anterior. Apresentar uma comparação com relação ao semestre e ou edições anteriores.

4. CLIPAGEM
Citar o número de inserções obtidas nas mídias impressa, digital, social, etc.
Houve um aumento das vendas decorrente da ação de construção de imagem apoiada? Qual a porcentagem?

5. PONTOS DE MELHORIA
Exemplos
• Seleção do parceiro
• Falha na produção do release
• Evento muito longo, muito curto, etc.

6. PONTOS FORTES
Exemplos
• Evento adequado ao momento da empresa
• Quantidade de agendamentos.
• Celebridades que endossaram a marca, etc.

7. CONSIDERAÇÕES FINAIS E RECOMENDAÇÕES

8. FOTOS DA AÇÃO OU DAS ATIVIDADES REALIZADAS NO PERÍODO